CONSULTA DE AVALIAÇÃO E DIAGNÓSTICO

Todos os tratamentos começam com uma sessão de avaliação, em que o psicoterapeuta faz uma análise do caso clínico, identificando as causas das perturbações mentais e emocionais e define o plano terapêutico apropriado. Nesta sessão, o paciente ficará elucidado sobre os tratamentos que a Clínica da Mente oferece, tirando todas as dúvidas que possa ter, nomeadamente relativamente aos métodos, ao acompanhamento, à duração e às políticas internas da organização. Poderá, desta forma, tomar uma decisão informada e ponderada quanto ao início do tratamento.

 

PLANO DE TRATAMENTO

imagem de exame ao cérebro e estetoscópio por cima

As sessões de Terapia HBM, com a duração de até 2 horas, são realizadas semanalmente, de acordo com o plano delineado na sessão de avaliação e até os objetivos definidos nessa mesma sessão terem sido alcançados. O número de sessões a realizar depende da avaliação do psicoterapeuta aquando da sessão de diagnóstico, bem como da evolução do próprio paciente.  É frequente que os pacientes atinjam os objetivos terapêuticos a que se propuseram após entre 6 a 8 semanas de tratamento, sendo que pode, naturalmente, ocorrer antes ou depois, dependendo da complexidade de cada perturbação. Segue-se uma fase de reforço que se estende ao longo de um ano, com vista a manter e consolidar os resultados obtidos e assegurar a resolução das perturbações.

As técnicas utilizadas no Modelo Psicoterapêutico HBM – Athenese® e Morfese® – têm como referência o Mapa da Mente. A sua função é trabalhar o sistema emocional do indivíduo para que este se liberte de emoções tais como angústia, medo, tristeza, ansiedade, entre outras, permitindo a alteração do seu estado depressivo ou ansioso

Ao longo de todo o tratamento, cada paciente tem acesso a acompanhamento médico especializado que promoverá o adequado processo de desmame da medicação tomada.

 

TÉCNICA DE ATHENESE®

A Athenese® é composta por um conjunto de exercícios baseados em técnicas de PNL (programação neurolinguística), que promovem a alteração na forma e na estratégia do pensamento individual.
Mulher deitada numa cadeira reclinada recebe psicoterapia de um terapeuta masculinoTodos somos condicionados pela forma como pensamos, pela estratégia que utilizamos e a Athenese intervém ajudando a promover novas formas de percecionar e pensar a realidade.

As pessoas utilizam estratégias de acordo com a sua personalidade, assente nas experiências das suas vidas, em consonância com o que são e onde estão inseridas. Mas, por vezes, estas estratégias não as ajudam a atingir os objetivos que querem e, neste sentido, a Athenese® promove o desenvolvimento de novas estratégias de pensamento com o intuito de obter resultados mais assertivos.

 

TÉCNICA DE MORFESE®

Homem sorridente deitado numa poltrona a receber psicoterapia de uma terapeuta feminina que escreve num papel

A Morfese® é uma técnica de indução de sonhos, baseada na hipnose clínica, em que a pessoa entra num estado intermédio entre o sono e a vigília.

O sonho é um processo inconsciente de reorganização de emoções e de experiências. É através dos sonhos que a nossa mente inconsciente processa toda a informação: todas as experiências e emoções que foram vividas. Desta forma, submetidos a sonhos induzidos pelo psicoterapeuta morfesista, as pessoas conseguem reorganizar-se emocionalmente.

A Morfese® é uma técnica introspetiva em que as pessoas estão num sonho orientado e induzido pelo psicoterapeuta. Nas sessões de Morfese®, as pessoas dissociam-se de experiências que as magoaram no passado e associam-se a emoções positivas. Trata-se de uma técnica de libertação em que as pessoas encontram o seu equilíbrio, dissociando-se de tudo o que as perturbou.

Independentemente da técnica utilizada, no final das sessões os pacientes sentem-se mais confiantes, sentindo que as emoções negativas deixaram de os incomodar e os pensamentos deixaram de ser perturbadores, o que faz toda a diferença na qualidade de vida das pessoas e na sua saúde emocional.

RESULTADOS TERAPÊUTICOS SEM MEDICAÇÃO OU INTERNAMENTOS

Em nenhum dos nossos tratamentos incluímos medicação, apenas as técnicas mencionadas anteriormente. Temos médicos neurologistas a trabalhar em parceria connosco, que acompanham os pacientes que recebemos e que estão medicados há vários anos. Após a conclusão do tratamento HBM, o médico acompanha esses doentes na sua reavaliação psiquiátrica, com o objetivo de reduzir e/ou excluir a medicação. Mesmo nos casos mais graves, os pacientes não precisam de internamento durante o tratamento.

A qualidade e eficácia dos nossos tratamentos são alvo de constante monitorização e melhoria. Conheça os resultados dos nossos Estudos de Investigação.

 

Comentários