Dicas para controlar a Ansiedade associada à COVID-19 | Porto Canal

A crescente proliferação do novo coronavírus requer atualizações frequentes e novas diretrizes para que todos nós, enquanto grupo social, consigamos conter a sua propagação.

Neste sentido, cada um de nós deve compreender que esta situação de pandemia, requer o cumprimento das medidas de prevenção e de contenção definidas pela OMS (Organização Mundial da Saúde) e pela DGS (Direção-Geral da Saúde), como também uma consciencialização da influência do mesmo na nossa Saúde Mental. 

Como tal, seguem algumas recomendações para controlar a Ansiedade associada à COVID-19:

  • É importante parar para pensar e ter uma perceção racional dos factos. É necessário ter consciência dos números, apesar da nossa taxa de infetados ser “baixa” temos de ter a noção que inevitavelmente irá aumentar nos próximos dias. O estado de pandemia foi declarado. Estamos a vivenciar um problema de saúde pública e mundial. É um caso sério que não devemos descurar. Estes são os factos.
 
  • Conhecer os factos. Devemos procurar fontes credíveis, somos constantemente “bombardeados” com informações e até dicas para saber lidar com a doença COVID-19. O importante é ter um olhar clínico. Fontes como Organização Mundial da Saúde, ou numa escala nacional, a Direção Geral da Saúde (DGS), devem ser consultadas e analisadas. 
 
  • Usar as redes sociais. Reforço a ideia da importância em ter fontes credíveis. Contudo, em situações de quarentena, as redes sociais podem ser usadas enquanto suporte social. O facto de pertencer a um grupo no Facebook, por exemplo, e poder desabafar ou partilhar sugestões relativamente ao período de quarentena, torna-se uma boa ferramenta para diminuir as sensações de Ansiedade associadas ao isolamento. 
 
  • Procurar ajuda. Se a Ansiedade for mesmo avassaladora ao ponto de o indivíduo sentir-se completamente bloqueado, sem qualidade de vida e disfuncional no seu dia a dia, torna-se necessário procurar ajuda de um profissional de saúde para conseguir reequilibrar a sua estrutura emocional.

Consultório | Porto Canal

Comentários

CLOSE
CLOSE